Idioma

Banco Santander Totta

Está em:

Financiamento para a agricultura


Oferta setorial Santander

 

   


Adiantamento das Ajudas ao Rendimento (1)

Beneficie do adiantamento dos pagamentos pelo Instituto de Financiamento da Agricultura e Pescas, I.P. (IFAP) referentes às ajudas ao rendimento, operacionalizadas no Pedido Único, onde se incluem o regime de pagamento base, ajudas ligadas à produção e outras medidas de apoio.
 

Condições:

  • Financiamento de até 80% do valor das ajudas estimadas
  • Taxa de juro: Euribor 12m + spread de 1,75%
  • Prazo: Até 12 meses
  • Reembolso nas datas de pagamento pelo IFAP de acordo com o perfil de recebimento de cada beneficiário
  • Comissão única de formalização de 0,5%, com um mínimo de 100€

(1) TAE de 2,249%. Exemplo para um crédito no montante de 50.000€, pelo prazo de 12 meses, com reembolso de capital no final da operação. A TAN de 1,738%, correspondente à Euribor a 12 meses (base 360), calculada com base na média aritmética simples das cotações diárias do mês anterior ao período de contagem de juros com arredondamento à milésima, que em março 2016 era de -0,012%, acrescida de um spread de 1,75%.



Linha de Crédito Curto Prazo IFAP (2)

Aproveite as condições do Protocolo que celebrámos com o IFAP destinado a apoiar as despesas de exploração e tesouraria de empresas do setor agrícola.

Condições: 

  • Montante máximo dependente do período e da cultura em causa conforme definido no normativo do IFAP que regula esta linha de crédito, disponível em www.ifap.min-agricultura.pt
  • Taxa de juro: Euribor 6m + spread de 2,25%
  • Bonificação de taxa de juro atribuída pelo IFAP
  • Prazo: Até 12 meses
  • Comissão única de formalização de 0,5%, com um mínimo de 100€

(2) TAE de 2,203%. Exemplo para um crédito no montante de 50.000€, pelo prazo de 12 meses. A Taxa Anual Nominal (TAN) de 1,692% correspondente à Euribor a 6 meses (base 365), calculada com base na média aritmética simples das cotações diárias do mês anterior ao período de contagem de juros com arredondamento à milésima, que em março 2016 era de -0,135%, acrescida de um spread de 1,827%, por força da bonificação de juros atribuída por aquele Organismo, equivalente a 20% da taxa da operação aplicando um spread de 2,25%.



Protocolo CAP

Para agilizar o processo de candidaturas aos pagamentos anuais diretos, o Santander assinou um protocolo com a Confederação de Agricultores de Portugal (CAP). Enquanto entidade protocolada com o Banco, a CAP poderá prestar-lhe informação acerca das condições que disponibilizamos para si e apoiá-lo na elaboração da sua candidatura.

 

Santander Advance Empresas - 707 100 029 | advance@santander.pt
NetBanco Empresas - 217 807 130
Atendimento personalizado, dias úteis das 8h às 20h